Intercâmbio na África do Sul: um ótimo custo benefício.

Se você procura custo benefício, paisagens lindas e um lugar para aprender inglês, deverá considerar fazer intercâmbio na África do Sul.


Mapa mundial.

Atualmente, a África do Sul tem o melhor custo-benefício para quem deseja fazer um intercâmbio e aprender inglês.

Aliás, é um dos países que mais oferece inglês + trabalho voluntário, além dos cursos tradicionais de inglês, intensivo, business e cursos preparatórios.

Na África do Sul, não apenas é possível trabalhar como voluntário enquanto você estuda, como também se inscrever no programa de trabalho voluntário sem a necessidade de estar matriculado em um curso.

Várias escolas oferecem o Programa de Voluntariado, o qual lhe dá a oportunidade de melhorar o seu inglês e mergulhar na cultura sul-africana.

Portanto, os projetos de voluntariado têm como característica principal apoiar as comunidades locais em uma gama de setores.

Entre as ofertas de trabalho com projetos de voluntariado estão: Assistência Social, Saúde, Puericultura, Educação, Desenvolvimento Esportivo,  Animais selvagens.


Leão, Filhote De Leão, Animal De Bebê

Leões na Savana.

A maioria dos programas esta disponível para maiores de 18 anos e tem a duração mínima de 2 semanas, podendo chegar até a seis meses.

No entanto, um dos pré-requisitos é ter conhecimento de inglês, ao menos nível intermediário.

No quesito financeiro, em comparação com os Estados Unidos e Londres, um curso de inglês na África do Sul é inegavelmente mais barato. Os valores são mais atraentes.

Inesperadamente, a Copa do Mundo de 2010 chamou atenção do mundo para a região e aumentou o interesse.

Segundo a associação de escolas de inglês da África do Sul, a EduSA, 20% dos estudantes estrangeiros do país são brasileiros.

A moeda local, o rand, é desvalorizada em relação ao real. Atualmente, um rand equivale a 21 centavos de real (cotação em 26/03/19).

Resultado de imagem para rand moeda africana

Moeda da África do Sul.

Isso torna o custo de vida no país baixo, acima de tudo é ideal para quem não tem um grande orçamento disponível, mas quer estudar fora.

Leia também:  Intercâmbio em Londres: vale a pena?


Considerando a baixa cotação da moeda, itens de necessidade básica como moradia, transporte e alimentação também acabam ficando mais baratos.

Para fazer um curso de intercâmbio na África do Sul de até três meses, não é necessário tirar o visto.

Um curso de quatro semanas, por exemplo, custa uma média de US$ 1.500, com acomodação, jantar e café da manhã inclusos.

Montanha Table, Cidade Do Cabo, Fotografia Noturna

Vista da praia para montanha Table.

Como comparação, o mesmo período no Canadá custaria uma média de US$ 1.900. Nos Estados Unidos, custaria US$ 2.100.

Sendo assim, vale lembrar que para ficar no país mais do que três meses, não há tanta burocracia.


Então… aproveite o Clima.

Outra razão para fazer intercâmbio na África do Sul é que os  invernos não são longos e cheios de neve.

Por isso, é atrativo para diversos brasileiros um clima bastante similar ao país natal.

A Cidade do Cabo é a opção de 98% dos intercambistas, uma vez que tem o verão seco e quente, com temperaturas máximas entre 25ºC e 27ºC e mínimas entre 15ºC e 16ºC.

Já o inverno é frio, com temperaturas similares ao sudeste e ao sul brasileiro, com mínimas de 7ºC e máximas pouco acima dos 20ºC durante o dia.

Panorama, Cidade Do Cabo, Campo De Golfe

Cidade do Cabo.

Aproveite a vista.

A África do Sul possui lindas paisagens. Sua parte ocidental, por exemplo, é formada por desertos, savanas e pastagens.

No sul, há as cordilheiras do Karoo. Já no leste, há a maior cadeia de montanhas da África meridional, Drakensberg.

Little Karoo, África Do Sul, Céu

Little Karoo.

Drakensberg.

Durante o inverno, é provável que consiga se ver a neve nos pontos mais elevados, como montanhas, desertos, áreas florestais.

A variedade de paisagens é grande, assim como sua diversidade de religiões, costumes e tradições. Ou seja, uma excelente oportunidade para um intercâmbio riquíssimo, tanto visual quanto culturalmente.

Leia também:  Devo fazer intercâmbio em Dublin?

De fato, o clima do país e suas paisagens exuberantes abrem possibilidades para praticar esportes e se aventurar em safáris.

Silhouette Photography of Two Giraffe and Rhinoceros during Golden Hour

Savana.

Durante seu intercâmbio na África do Sul,  você poderá passear em zoológicos e safáris para ver de perto animais raros.

Os safáris são imperdíveis, pois são feitos em passeios de carro bem próximos aos animais. É uma experiência única.

Person Feeding Giraffe


Passeio no safari.

Seja como for, simplesmente absorva o conhecimento e principalmente, divirta-se!


Por fim, se ainda não sabe o lugar ideal para fazer intercâmbio, confira destinos como Los Angeles,Vancouver , LondresMelbourne , Dublin , Chicago e San Diego.

Curtiu?


Que tal aprender inglês na prática e mandar ver na África do Sul? Estude com a Flipping It Idiomas.
Entre em contato.

Quem leu este texto, também leu...

Fica, vai ter bolo! E um ebook com...

5 dicas para criar um currículo em inglês!